Carrinho 0

Orçamento de traduções, versões e revisões

dicas FAQ perguntas e respostas

Se você estiver precisando de uma tradução, versão, revisão ou transcrição de áudio (lembre-se: este é um serviço prestado somente para empresas!), é muito provável que você tenha algumas dúvidas quanto à elaboração do orçamento para o serviço. Por isso, o objetivo deste post é esclarecer algumas das principais questões acerca do cálculo realizado para estimar orçamento e prazo de entrega do serviço de tradução, versão, revisão ou transcrição de áudio

1. Tenho um texto que precisa ser traduzido. Como devo proceder para saber o orçamento para este serviço?

Em primeiro lugar, ao contatar a nossa empresa de tradução, é necessário informar sua necessidade: quais os idiomas envolvidos? Você tem urgência no serviço? Você deseja que a equipe use um glossário em especial? Também é essencial que você nos envie o texto a ser traduzido para análise e contagem de laudas - somente assim é possível informarmos preços e prazos com exatidão. E o motivo é simples: a equipe precisa saber qual o assunto envolvido (um estudo sobre um novo remédio para câncer de mama, por exemplo, requer um tradutor que tenha conhecimento e experiência com a tradução de textos médicos; já um contrato de compra e venda requer uma experiência diversa, na área jurídica) para que possamos analisar qual tradutor seria melhor para o serviço em questão, sua disponibilidade e, desse modo, possamos informar com exatidão o orçamento e o prazo de entrega do serviço. 

2. Tenho um texto para ser traduzido, mas não quero enviá-lo para análise.

Conforme explicado acima, sem essa análise não é possível informarmos com exatidão o orçamento para o serviço bem como o prazo de entrega. A análise do texto é essencial para que saibamos o assunto tratado, o vocabulário empregado (isso é essencial para escolhermos o tradutor, que deve estar familiarizado com a linguagem do texto) e para que possamos contar o número de laudas (1 lauda = 180 palavras, de acordo com a determinação da JUCESP, a Junta Comercial do Estado de São Paulo), que determina, por fim, o orçamento e o prazo de entrega do serviço.

3.  Qual a forma de pagamento?

Para pessoa física, o pagamento é à vista e deve ser realizado no momento da contratação do serviço de tradução, versão ou revisão. Nossos dados bancários são informados juntamente com o orçamento e o prazo de entrega. Já para empresas (pessoa jurídica), é emitido um boleto bancário para o pagamento do serviço com vencimento dentro de 30 dias da entrega do trabalho. 

4. Preciso de uma tradução para hoje. Vocês conseguem?

Essa resposta depende essencialmente dos idiomas envolvidos e do horário em que você nos contatar. Se você nos enviar o texto para análise no fim do dia, por exemplo, e o texto tiver mais de dez laudas, é provável que a entrega não seja no mesmo dia. 

Prazos urgentes envolvem a cobrança de uma taxa.

 5. Fiz um orçamento com vocês há dois meses, mas somente agora resolvi dar continuidade ao serviço. As condições ainda são válidas?

É bem provável que o preço seja ainda o mesmo. Porém, é necessário reavaliarmos o prazo de entrega - pode ser que o tradutor disponível na época não esteja disponível agora.

 Esperamos que suas dúvidas tenham sido esclarecidas neste breve post. Porém, caso você tenha ainda alguma dúvida sobre orçamentos de traduções ou revisões, entre em contato conosco. Será um prazer atender você! 



Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados